Cicloturismo – Trilha da Capelinha

É uma trilha especial porque temos a oportunidade de observar vários cenários diferentes, tais como: travessia da balsa, túneis naturais dentro da mata atlântica, estradaslargas e estradinhas afuniladas com acesso de uma bike por vez, degraus de pedras escorregadias, mudanças ambientais bruscas, contato com animais grandes e pequenos. O ponto culminante é uma capelinha em formato arredondado e muito original.

Especificações técnicas:

Saída e chegada: Centro de Natividade da Serra
Percurso total: 32 Km
Tempo de pedal: Aprox. 3h00
Grau de dificuldade: médio

Animação em FlashCicloturismo – Trilha do Morro Brasil

Este roteiro tem alto grau de dificuldade devido à grande altitude alcançada, na parte mais alta, atinge 1.100 metros. Os ciclistas precisam estar preparados para vencerem as dificuldades das subidas íngremes e descidas com curvas fechadas com declive acentuado. Na parte alta, no topo do morro do Brasil, a vista é exuberante alcançando uma imensidão de terras nativenses. É sempre um grande deslumbre observar das alturas a beleza da harmonia entre água, terra e céu aberto.

São paisagens dignas de ficarem gravadas para sempre nas fotografias e nas nossas lembranças.

Especificações técnicas:

Saída e chegada: Centro de Natividade da Serra
Percurso: 30 Km
Tempo de pedal: 3h00 aprox.

Cicloturismo – Trilha da Cachoeira do Tota

Roteiro apropriado para o verão, pois a trilha passa por estradas sombreadas, por belas cachoeiras convidativas para um banho ao longo do percurso, por travessias de barco no porto da canoa, pelas lindas paisagens à beira da represa, por bucólicos bairros rurais como bairro do Rio Manso e bairro do Laranjal, considerados locais de temperatura baixa chegando ao ponto culminante que é a bela cachoeira da Tota, formada por um enorme conjunto de pedras negras decoradas com o brancor das abundantes espumas que refletem os raios solares nas várias quedas d’água.

Ao longo destas quedas d’água encontramos lindas e refrescantes piscinas de hidromassagem naturais, locais propícios para fotos, banhos e grandes aventuras nas espetaculares cascatas.

A cachoeira do Tota fica localizada no bairro rural Serra Azul.

Especificações técnicas:

Saída e chegada: Centro de Natividade
Percurso: 31 Km
Tempo de pedal: 6h00
Grau de dificuldade: médio

Mirante do Chapadão

Local de fácil acesso pela rua do cruzeiro, com uma privilegiada vista panorâmica de 270º onde pode-se ver o local da antiga cidade, a prainha e a travessia da balsa lá em baixo.

Trilha do Corcovado

ATENÇÃO

Visitantes do Parque Estadual da Serra do Mar Núcleo Santa Virgínia devem se prevenir contra a febre amarela.
A recomendação é estar vacinados há mais de 10 dias antes de visitar o local onde o vírus circula.

https://www.ambiente.sp.gov.br/2018/12/visitantes-dos-parques-devem-se-prevenir-contra-a-febre-amarela/ 

No Parque Estadual da Serra do Mar – Núcleo Santa Virgínia

Também em Natividade da Serra e partindo da Base Vargem Grande, é uma opção para quem realmente gosta de caminhar, o percurso bastante íngreme,  por dentro da mata de altitude ou nebular em ótimo estado de conservação, alcança-se o topo do Pico do Corcovado, de onde se avista o litoral de Ubatuba e o Vale do Paraíba, a 1.168m de altitude.

Ficha Técnica

P.E. da Serra do Mar – Núcleo Santa Virgínia
Localização: Município de Natividade da Serra
Acesso: Rod. Airton Sena/Carvalho Pinto até Taubaté ou Rod. Pres. Dutra (saída 111) /Rod. Oswaldo Cruz (SP 125) até o km 66, entrar à direita, seguir 15 km até a Vila da Vargem Grande e mais 2 Km até a entrada do Parque.
Extensão: 20.000 m. (ida e volta)
Nível de dificuldade: Alto
Duração média: 09 horas
Piso da Trilha: terra
Características ambientais: Floresta atlântica de planalto.
Trilha: monitorada
Como agendar: na sede do Parque
Fone: (12) 3671-9159 / 3671-9266
E-mail:  pesm.santavirginia@fflorestal.sp.gov.br

Atrativos da trilha: Pico do Corcovado, de onde se avista o litoral de Ubatuba e o Vale do Paraíba, a 1.168m de altitude.
Horário da trilha: Saída às 07h00
Capacidade máxima: 10 pessoas

Trilha do Garcez

ATENÇÃO

Visitantes do Parque Estadual da Serra do Mar Núcleo Santa Virgínia devem se prevenir contra a febre amarela.
A recomendação é estar vacinados há mais de 10 dias antes de visitar o local onde o vírus circula.

https://www.ambiente.sp.gov.br/2018/12/visitantes-dos-parques-devem-se-prevenir-contra-a-febre-amarela/

No Parque Estadual da Serra do Mar – Núcleo Santa Virgínia

Uma cachoeira com três níveis de queda d’água. Pois esse é o principal atrativo da Trilha do Garcez, que leva à cachoeira com o mesmo nome. Com seis quilômetros, a trilha cruza trechos de Mata Atlântica de planalto bastante preservada e que também leva até a Cachoeira Jacu, onde há uma parada para o visitante nadar, lanchar e descansar.

Em formato circular, a trilha leva cerca de três horas para ser percorrida. Devido a algumas subidas e descidas mais íngremes, tem classificação de nível médio de dificuldade. O acompanhamento de monitores é obrigatório.

Para matar a curiosidade, Garcez é o sobrenome de uma família que morava perto da cachoeira e Jacu é a identificação popular de uma ave vista com facilidade na região

Ficha Técnica

P.E. da Serra do Mar – Núcleo Santa Virgínia
Localização: Município de Natividade da Serra
Acesso: Rod. Airton Sena/Carvalho Pinto até Taubaté ou Rod. Pres. Dutra (saída 111) /Rod. Oswaldo Cruz (SP 125) até o km 66, entrar à direita, seguir 15 km até a Vila da Vargem Grande e mais 2 Km até a entrada do Parque.
Extensão: 6 km (ida e volta)
Perfil altitudinal: 690m → 915m
Percurso: 3 horas
Piso da Trilha: terra
Características ambientais: Floresta atlântica de planalto.
Trilha: monitorada
Como agendar: na sede do Parque
Fone: (12) 3671-9159 / 3671-9266
E-mail: pesm.santavirginia@fflorestal.sp.gov.br
Atrativos da trilha: Cachoeiras do Garcez e do Pocinho, rio Jacu, poços para banho ao longo do Rio Grande.
Horário da trilha: Saída às 09h00
Limitação de usuário: 1 grupo diário com 40 pessoas

Animação em FlashTrilha do Rio Grande

ATENÇÃO

Visitantes do Parque Estadual da Serra do Mar Núcleo Santa Virgínia devem se prevenir contra a febre amarela.
A recomendação é estar vacinados há mais de 10 dias antes de visitar o local onde o vírus circula.

https://www.ambiente.sp.gov.br/2018/12/visitantes-dos-parques-devem-se-prevenir-contra-a-febre-amarela/

No Parque Estadual da Serra do Mar – Núcleo Santa VirgíniaA região tem relevo acidentado que favoreceu a formação de corredeiras e cachoeiras nos rios Ipiranga, Ribeirão Grande e Palmital, afluentes do rio Paraibuna. A trilha do Rio Grande esconde poços naturais e cachoeiras, sem contar a diversidade de espécies vegetais e animais que constituem a biodiversidade da floresta atlântica.

Ás margens do Ribeirão Grande e protegido pela floresta, passamos pelo poços naturais do Ribeirão Grande e dos Peixes. A caminhada tem seu destino final na cachoeira da Boneca numa distância total de treze quilômetros.
Uma trilha de grande beleza natural!

Ficha Técnica

P.E. da Serra do Mar – Núcleo Santa Virgínia
Localização: Município de Natividade da Serra
Acesso: Rod. Airton Sena/Carvalho Pinto até Taubaté ou Rod. Pres. Dutra (saída 111) /Rod. Oswaldo Cruz (SP 125) até o km 66, entrar à direita, seguir 15 km até a Vila da Vargem Grande e mais 2 Km até a entrada do Parque.
Extensão: 13 km (ida e volta)
Perfil altitudinal:
Percurso:
Piso da Trilha: terra
Características ambientais: Floresta atlântica de planalto.
Trilha: monitorada
Como agendar: na sede do Parque
Fone: (12) 3671-9159 / 3671-9266
E-mail: pesm.santavirginia@fflorestal.sp.gov.br
Atrativos da trilha: Cachoeiras, poços para banho ao longo do Rio Grande.
Horário da trilha:
Limitação de usuário:

Cavalgada entre amigos – Bairro Alto

Uma volta saindo do Bairro Alto, passando pelos bairros Ribeirão, Palmeiras e Vargem Grande

Trajeto de 50 Km, com saída às 8h00 pa praça Padre Higino no Bairro Alto, Seguindo pelo Bairro de Ribeirão onde é servido o tradicional café caipira aos cavaleiros, continuando pelo bairro Palmeiras à Vargem Grande, onde é servido o almoço para os cavaleiros, com volta ao Bairro Alto, desfile dos cavaleiros e a Benção de Nossa Senhora Aparecida.

Rafting

Descida com bote em corredeiras, as condições são muito favoraveis para à prática do esporte nos meses de Outubro, Novembro, Dezembro, Janeiro, Fevereiro e Março devido ao volume de água nos Rios.
Existem vários roteiros para quem pretende descer as corredeiras com niveis para iniciantes e outros  para praticantes com muita experiencia.

O rafting é uma atividade que mistura adrenalina com a contemplação da beleza dos rios, corredeiras e cachoeiras. Além de ser um esporte de aventura é um instrumento de conscientização para preservação do meio ambiente. Para os amantes dessa atividade esportiva, a descida em bote pelas corredeiras do Rio Paraibuna é uma experiência muito especial.

Bairro Palmeiras

Localizado às margens do lindo Rio Paraibuna, esse pequeno bairro é uma boa opção para uma parada e descanso.

Aqui é o lugar onde você vai se sentir no passado, na roça e poder apreciar o tempo, sem pressa!
Dentro do bairro, próximo a ponte, existe uma prainha que permite o acesso ao Rio Paraibuna e assim tomar um banho resfrescate.

Região muito bonita, com algumas opções de bares para um refresco, o local também conta com uma Fazenda, bem estruturada para recepção de visitantes.

Bairro Vargem Grande

O Bairro Vargem Grande fica próximo a divisa do Parque Estadual da Serra do Mar. O acesso mais próximo é pela Rodovia Oswaldo Cruz, km 65, com entrada na ponte sobre o rio Paraibuna. Dista dali 12 km de estrada de terra. O bairro está em uma vargem por onde passa o Ribeirão Grande, com uma cachoeira logo abaixo do bairro. As farinheiras que produzem farinha de mandioca em sistema rudimentar nos quintais das próprias casas, são tradicionais no bairro. A maior parte da produção é negociada em Ubatuba. O bairro tem pequena infraestrutura com mercadinho, bares, padaria, local com comida caseira, escola até o 3] ano do ensino médio e posto de saúde.

Próximo ao bairro está uma base do Parque Estadual da Serra do Mar – Núcleo Santa Virgínia, cujo acesso é restrito e exige agendamento prévio na sede administrativa do parque em São Luiz do Paraitinga.

Subindo o Ribeirão da Vaca, onde existe uma bela cachoeira, tem – se acesso à trilha do corcovado com 18 km (ida e volta) que vai até o pico do corcovado com vista para o mar.

Ainda fazem parte deste belo conjunto de atrativos naturais a trilha do garcêz, trilha do rio grande.

Bairro Alto

Era um pouso de tropas, sendo que a vila original foi tragada pelas águas da represa. A nova vila tem vista para a represa e um bela igreja em homenagem à Nossa Senhora da Conceição, cuja imagem foi encontrada no mato.

O local tem bares, padaria e mercadinhos, além de uma lanchonete onde servem comida caseira. Próximo dali fica o Hotel Fazenda Santa Rita, com toda a Infraestrutura para o turista. Na propriedade está a Cachoeira dos Martins para banhos e prática de rapel. Antigas trilhas de tropeiros são feitaspor guias do hotel para levar turistas até a praia da Mocóca em Caraguatatuba. O percurso é de 9 horas sendo 50% pelo parque Estadual da Serra do Mar. O hotel Fazenda Santa Rita tem ainda um reflorestamento de pinus com destaque para a produção da resina que é exportada para produção de tintas, incenso e perfumes.

O Rio Paraibuna deságua na represa nas imediações do Bairro Alto formando um belo e tranquilo lago que contorna o bucólico vilarejo e proporciona ótimas oportunidades para pescas, banhos de cachoeiras, passeio de barcos, etc.

Bairro Pouso Alto

Esse bairro é também um dos locais que nasceram como pouso dos tropeiros que iam para o litoral norte. A vila original foi encoberta pela represa e um novo povoado foi construído na década de 70. O bairro Pouso Alto é uma das opções de paradas na serra, possui vários barzinhos, padaria e também local para comida caseira. O local oferece opção para compra de queijos e doces feitos na roça. Logo na entrada tem um auto posto e em frente pega-se a estradinha que leva até a cachoeira do Rio Negro. Neste bairro os alunos estudam até o 3º ano do Ensino médio.

No Bairro Pouso Alto acontece no mês de junho a 2ª maior festa do município, em homenagem a São João Batista, padroeiro da capela.

Balsa (Ferryboat)

Para os amantes da natureza que querem apenas passear, vale um passeio de balsa atravessando a represa e parando em três pontos de embarque. É uma alegria para as crianças.

Canoagem da prainha até o porto da canoa

Com sua exuberante represa, Natividade da Serra com certeza é uma excelente opção para os amantes do remo.
A canoagem é um esporte muito saudável e prazeroso, sendo através do uso do caiaque ou duck (caiaque inflável), lembrando que sempre devemos utilizar coletes para a segurança dos envolvidos no passeio.

Uma opção de roteiro bem interessante em Natividade é de sair da prainha (na Marina), ir até o porto da canoa e voltar. No caminho ainda dá para dar uma paradinha na cachoeira do rio manso que fica entre o percurso.

Centro de Natividade da Serra

Natividade da Serra é um município novo, conta com apenas 4 décadas de existência. Fundada em 1853, teve vida aos moldes antigos até o ano de 1973 quando a construção da represa do complexo Paraibuna / Paraitinga inundou a antiga área da cidade que foi reconstruída no atual local, de forma planejada, com ruas largas e ambientes agradáveis. Destaques no centro de Natividade para o mirante, a prainha, a balsa (ferryboat) e a praça para um bom descanso.

 

 

 

Skip to content